• São Paulo (11) 2795-3666

Responsabilidade Social

selo_rse

A maneira como as empresas realizam seus negócios, definem sua maior ou menor Responsabilidade Social Empresarial.

O conceito da RSE está relacionado com a ética e a transparência na gestão dos negócios e deve refletir-se nas decisões cotidianas que podem causar impactos na sociedade, no meio ambiente e no futuro dos próprios negócios.

Fabricar produtos ou prestar serviços que não degradem o meio ambiente, promover a inclusão social e participar do desenvolvimento da comunidade de que fazem parte, entre outras iniciativas, são diferenciais cada vez mais importantes.

A Alicante está engajada no desenvolvimento de diversos projetos de RSE, procurando promover um mundo cada vez melhor.

Os efeitos dos impactos ambientais gerados pela expansão indiscriminada das atividades humanas são vistos, sentidos e comprovados cientificamente em todo o planeta. Para interromper este processo de degradação ambiental, segmentos da sociedade do mundo inteiro, inclusive do Brasil, tentem a adotar ações capazes de conciliar crescimento econômico, proteção ambiental e bem-estar social.

Foi debatendo o tema que a Alicante desenvolveu um trabalho de Responsabilidade Social Empresarial (RSE), onde uma das primeiras ações foi o “Projeto Coleta Seletiva”.

Implementado inicialmente na matriz em São Paulo, o projeto visa selecionar os materiais recicláveis do lixo produzido. Plástico, alumínio, papel, madeira, isopor e outros materiais doado a uma organização formada por ex-moradores de rua que, através da venda de, tem a oportunidade de tirar seu sustento longe das ruas.
Além de uma ação social e ambiental, a empresa conseguiu uma participação ativa de seus colaboradores que trazem materiais recicláveis de casa, colaborando com o projeto. Hoje, somente 5% do lixo produzido pela Alicante não é aproveitado, uma vitória levando em consideração que apenas 10% dos 64 milhões de toneladas de lixo produzido anualmente no Brasil é reciclado. 40% tem como destino os aterros sanitários e 50% do lixo produzido no país são depositados em lixões ou jogados em rios.